Aos Adoradores

Certa mulher, após trabalhar durante um ano inteiro, reuniu toda economia feita e tomou uma decisão: “tenho que investir em algo”.

Por aqueles dias, ela ficou sabendo que Jesus estaria na casa de Simão, um cobrador de impostos. Naquele momento, estava diante dela uma grande oportunidade de expressar o quanto era grata e o quanto amava a Jesus, e ela pergunta a si mesma: o que darei a Jesus?

Ela tinha algumas opções:

1. Chegar diante d’Ele e dizer “obrigado”;

2. Comprar uma “lembrança” e entregar a Ele em forma de agradecimento;

3. Ou simplesmente, mandar uma carta com belas palavras, demonstrando assim sua gratidão.

Talvez você esteja olhando para essas opções e se perguntando: mas todas essas opções não são uma forma de agradecimento? Concordo com você. Mas vamos deixar de ser medíocres! Essa realidade, com certeza, está sendo vivida por muitas pessoas e muitos estão presenciando amigos vivendo nela. A igreja de hoje tem dado alguns “obrigados” ou dado algumas “lembranças” a Jesus, acreditando que com isso tem demonstrado toda sua gratidão a ELE.

Veja essa mulher, sabendo que Jesus estaria na casa de Simão, reuniu todos os seus esforços e recursos para preparar o melhor!  Talvez o seu melhor não fosse o mais bonito, mas se tratava do seu melhor! E era isso que na verdade Jesus esperava, e até aquele momento ninguém naquela casa pôde oferecer a Ele! O que haviam oferecido eram apenas palavras vazias e hipócritas.

Até quando daremos a Jesus o que resta de nós, achando que já é o suficiente? Tente olhar com os olhos de Deus, imagine todas as vezes que você entra na Sua presença para entregar-lhe gratidão, como é que você se veria? Como você veria sua expressão de gratidão? Pense nisso!!!

Aquela mulher não se preocupou com o que os outros diriam a seu respeito, ela preparou o melhor que tinha: TUDO.

Ela entra na presença de Jesus e a primeira coisa que faz é prostrar-se diante dele e “gastar” tudo o que tinha para expressar sua gratidão e seu amor por ELE. Ela começa a regar os pés de Jesus, veja bem, ninguém rega com poucas gotas, a Bíblia diz que ela REGOU os pés de Jesus com suas lágrimas e secou com seus cabelos. De fato ela entregou tudo que tinha e reconheceu quem ela era: alguém que carecia do amor do Pai.

Gostaria de despertá-lo para a atitude dessa mulher. Tenho certeza que você gostaria de se tornar um grande adorador, mas é importante perguntar o que você está disposto a entregar ou a dar a Jesus. A nossa atitude mudará mediante o tamanho da nossa sede por Jesus, ou melhor, a mudança de “estilo de vida” virá mediante a importância que damos à presença de Jesus e o desejo que temos em conhecê-lO e termos uma intimidade maior com ELE.

Não seja “mais um” aos pés de Jesus, dê a Ele tudo o que você tem e só se importe com o que ELE pensa de você!

No amor de Cristo,

Priscila Rocha